Compartilhe:

Na tarde desta quarta-feira (24), em Sessão Extraordinária Mista realizada na ALESE, os deputados sergipanos aprovaram, por unanimidade, a prorrogação dos pagamentos do Cartão Mais Inclusão, auxílio concedido pelo Governo Estadual pelo Programa Emergencial em decorrência da pandemia de COVID-19.

O CMAIS é um programa de transferência de renda com recursos oriundos do Tesouro Estadual, que contemplou pessoas em extrema pobreza com um cartão magnético com limite de R$ 100,00 para compra exclusiva de ítens alimentícios em estabelecimentos que utilizam a rede Banese Card. Inicialmente idealizado para dez parcelas, o projeto, lançado em 2020, já atendeu a 23 mil beneficiários, um investimento de mais de R$ 23 milhões.

No PL aprovado pelos deputados, estão excluidos os beneficiários que o Governo Federal excluiu do Cadastro Único ou inseriu no Bolsa Família. “Para quem não tem nada esse valor de 100 reais é muito. Com a prorrogação, não serão incluídas as 25 mil no auxílio, ainda ficarão de fora cerca de nove mil pessoas,  mas já é um grande salto, pois ao invés de 6 mil, para alto entorno de 16 mil  pessoas a serem atendidas com o benefício em Sergipe”, destacou o deputado Capitão Samuel.

Já o deputado Rodrigo Valadares destacou que possui um projeto que aumenta o valor do limite do cartão. “Tenho um projeto que aumenta de R$ 100 para R$ 300 reais  o valor do Cartão Mais. Peço a Casa que aprove esse meu projeto”, enalteceu o deputado.

Com informações da ALESE

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *