Compartilhe:

Via O Estado de Minas Gerais – texto na íntegra

Uma bomba artesanal foi enviada por meio dos Correios para um lar de idosos em Uberlândia, no Triângulo Mineiro. O artefato foi descoberto na manhã desta segunda-feira (10/5) por um funcionário administrativo da instituição, que abriga cerca de 50 idosos.

O artefato foi entregue no sábado (8/5) no lar de idosos que fica no Bairro Patrimônio, Zona Sul da cidade. O funcionário que pegou a caixa nesta segunda a abriu por baixo e achou estranho o conteúdo.

A Polícia Militar (PM), foi chamada, acionando também o Corpo de Bombeiros. Foi, então, constatado o risco para os moradores e trabalhadores do local.

Policiais federais especializados no trabalho com explosivos atestaram que se tratava de uma bomba artesanal, e a área foi isolada num raio de 30 metros. Inclusive com os idosos sendo colocado em um espaço específico para eles.

O artefato foi entregue no sábado (8/5) no lar de idosos que fica no Bairro Patrimônio, Zona Sul da cidade. O funcionário que pegou a caixa nesta segunda a abriu por baixo e achou estranho o conteúdo.

A Polícia Militar (PM), foi chamada, acionando também o Corpo de Bombeiros. Foi, então, constatado o risco para os moradores e trabalhadores do local.

Policiais federais especializados no trabalho com explosivos atestaram que se tratava de uma bomba artesanal, e a área foi isolada num raio de 30 metros. Inclusive com os idosos sendo colocado em um espaço específico para eles.

Uma informação que chamou a atenção é que existiam fios ligados à tampa da caixa e eles poderiam ser gatilhos para que os explosivos fossem deflagrados.

O fato de o funcionário ter aberto a caixa por baixo teria evitado a explosão.

Agora a Polícia Civil vai investigar o caso. O que se sabe é que o pacote foi enviado de uma cidade do estado de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *